sexta-feira, 9 de janeiro de 2015

Animal de estimação requer cuidados especiais no calor


Hidratação, tosa e vacinação são dicas dos especialistas para quem tem cães e gatos

Não há dúvida que a chegada das estações mais quentes do ano altera a rotina das pessoas. Com os animais de estimação, a situação não é diferente. 

Cães e gatos, os preferidos entre as famílias brasileiras, também necessitam de cuidados especiais para manter a disposição, higiene e saúde em dia durante a primavera e, principalmente, o verão.

O primeiro cuidado que deve ser tomado durante as estações mais quentes do ano faz referência ao modo como os animais se alimentam.

Segundo a médica veterinária da Esalpet, Gisela Costa Rosa, os bichos de estimação precisam de uma alimentação leve e de muita água. 


“Os animais sentem tanto ou até mais calor que os seres humanos. Em casa ou durante viagens, cães, gatos e outros bichinhos devem ter água à vontade, comida fresca e espaços para se abrigarem do sol forte”, explica.

Além disso, a veterinária destaca a importância de estar com a vacina contra a raiva e vermífugos em dia.

“Nesse período mais quente, os animais são levados para passeios em parques, regiões litorâneas, grama e mato, além do contato com pessoas diferentes do convívio diário. 


Por esse motivo, é importante que ele esteja com a saúde em dia”, diz, lembrando que o ideal é que as pessoas evitem passear com seus pets entre 10 da manhã e 5 da tarde, horário de sol mais intenso e prejudicial à saúde do animal e do próprio dono.


Confira os principais cuidados com animais de estimação durante o calor

- Em casa ou durante viagens, cães, gatos e outros animais devem ter água à vontade, comida fresca e espaços para se abrigarem do sol forte;

- As vacinas contra a raiva e os vermífugos precisam estar em dia;

- Evite passear com seus pets entre 10 da manhã e 5 da tarde;

- Para banho, utilize xampus antipulgas;

- A tosa é indicada para os animais mais peludos durante as estações mais quentes;

- Leve seu animal de estimação para uma consulta com o veterinário antes de viagens longas.



Enviado por : Mariana Scoz

Nenhum comentário:

Postar um comentário